Presidente da Federação Universitária Baiana de Esportes (Fube), Simon Vasconcelos ainda não sabe se deixará um legado após sua gestão, mas revela que ficaria satisfeito em deixar algo bom quando encerrar seu mandato. Fato é que o dirigente terá seu nome marcado no esporte universitário, já que participou do processo para a vinda dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) para a Bahia 51 anos depois. “Quando fizemos o ‘Projeto JUBs 2019’, não pensamos só no evento. Pensamos no legado. Pensamos na questão da discussão das políticas públicas do esporte universitário baiano, foi nosso primeiro ponto quando sentamos com o governo. O ápice disso são os JUBs, e o governo baiano entendeu isso”, comemorou. Vale destacar que a etapa final dos JUBs é considerada a maior competição esportiva universitária da América Latina, e reuniu cerca de 2.500 estudantes atletas de todo o país entre os dias 21 e 27 de outubro deste ano. Ao Bahia Notícias, Simon falou sobre o diálogo entre federação e universidades, o aumento no número de medalhas para o estado, e que já trata com o governo para que a Bahia receba novas competições nacionais.

Hoje é comemorado em todo o mundo o Dia do Jipeiro. Não em função de um acontecimento marcante, mas apenas por conta da coincidência da data: 4 de abril, ou 4/4, em referência à tração nas quatro rodas. A homenagem já se tornou até lei em alguns estados brasileiros, a exemplo de São Paulo. Mas por qual razão o jipeiro, que não é santo ou profissão, merece ter um dia só para ele? O Boletim 4×4 vai tentar responder para você que tem curiosidade ou pretende ingressar nesse universo. 

Com o objetivo de combater a retirada ilegal de areia e o descarte irregular de lixo e entulho, a Prefeitura de Camaçari decidiu fechar o cerco para proteger as dunas de Jauá. A medida, no entanto, deixa em alerta também os adeptos do 4×4. O Boletim 4×4 explica como será a fiscalização e as medidas adotadas pelo município, que serão intensificadas a partir dessa semana. Entre essas medidas está o fechamento do acesso direto às dunas na Via Parque, após os condomínios particulares. “Nosso alvo são os caçambeiros que cometem crimes ambientais”, disse o subprefeito da Orla de Camaçari, Oswaldo Marcolino Filho.

Próximo de anunciar a Kappa como sua nova fornecedora esportiva, o Vitória vai lançar uma camisa oficial com um preço mais acessível. A ideia inicial é que a vestimenta custe R$ 100, segundo apuração da Coluna de Chapa, do Bahia Notícias.  Na negociação com a Kappa, Ricardo David, presidente do clube, pediu a inclusão da “linha popular”.

A Unirb (Faculdade Regional da Bahia) se filiou a Federação Bahiana de Futebol (FBF) e é a mais nova agremiação esportiva do estado. A Coluna De Chapa, do Bahia Notícias, apurou que a entidade pretende disputar a Série B do Campeonato Baiano já em 2019. Além disso, o clube irá montar categorias de divisões de base. A sede da equipe será em Mata de São João.

O Vitória garantiu nesta terça-feira (19) a permanência na Série B após vencer o Operário por 2 a 1, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR), pela penúltima rodada do certame. Os gols do Leão foram marcados por Léo Gomes e Thiago Carleto.

O time comandado pelo técnico Geninho chegou aos 45 pontos e ocupa a 11ª posição. Na última rodada, o Vitória pega o Coritiba apenas para cumprir tabela. O confronto acontece no próximo dia 30 de novembro, às 16h30, no Barradão.

No entanto, na base da insistência, o Vitória começou a criar jogadas de perigo. Aos 22, Wesley tocou para Léo Gomes, que invadiu a área e chutou para a defesa de André Luiz. O volante pegou a sobra e mandou de cabeça na trave. Ele não desistiu, pegou o rebote e mandou para o fundo das redes.

O Operário quase empatou aos 35. Everton Sena afastou mal e Clayton ficou com a bola. Ele cruzou e Lucas Batatinha apareceu e finalizou livre de cabeça. Porém, Martín Rodriguez fez grande defesa.

Aos quatro minutos, Thiago Carleto cobrou falta de longe. André Luiz defendeu, a bola bateu na trave e sobrou para Lucas Cândido, que completou para o gol. Porém, o árbitro estava atento e marcou impedimento e anulou o gol.

O Operário não dava trégua e também chegava com perigo. Aos cinco, Cleyton acionou Schumacher, que dominou no peito e mandou um foguete. Martín Rodriguez fez grande defesa e evitou o gol.

FICHA TÉCNICA Operário 1 x 2 Vitória Série B – 37ª rodada Local:  Estádio Germano Krüger,  em Ponta Grossa (PR) Data: 19/11/2019 (terça-feira) Horário:21h30 Árbitro: Diego da Silva (SE) Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Rodrigo Guimarães Pereira  (SE) Cartões amarelos: Maílton e Índio (Operário); Léo Gomes, Eron e Lucas Cândido (Vitória) Gols: Léo Gomes e Thiago Carleto (Vitória); Cleyton (Operário)

Operário: André Luiz; Maílton (Jean Carlo), Alisson, Lázaro e Allan Vieira; John Lennon, Índio e Marcelo; Uilliam (Schumacher), Cleyton (Rafael Chorão) e Lucas Batatinha Técnico: Gerson Gusmão.

Vitória: Martín Rodriguez, Van, Ramon, Everton Sena e Thiago Carleto; Baraka, Lucas Cândido e Léo Gomes; Eron (Felipe Garcia), Wesley e Anselmo Ramon. Técnico: Geninho.

Facebook Comments